Bravo! Bravo, Vicente…

José Carlos Fineis

Bravo! Bravo, Vicente.
Céu de sangue
Sol nascente
Em tua foto
e em toda parte
Natureza é arte
em estado permanente
E até na fumaça que sobe
apagando as estrelas
é bela
e alheia
à nossa dor consciente

Observa, Vicente.
Tu que a reténs em tuas lentes:
Por todo lado
o aviso foi dado
Nós não podemos viver sem ela
E ela, bem, ela é ela
independente
Sua beleza não carece que a admirem
que a pintem
ou fotografem

Explodirá por si mesma
sem olho que a veja
ou fósforo que a acenda
No claro ou no escuro
No frio ou no calor
Na saúde ou na doença
É o que é e,
definitivamente,
não precisa da gente

Imagem de ernie por Pixabay 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: