Distopias, o lado cético das pandemias

FREDERICO MORIARTY - Thomas Morus publicou o livro "A Utopia" em 1516, sua última obra. O antigo conselheiro de Henrique VIII caiu em desgraça após a defesa do casamento do rei inglês e contra a anulação. Henrique VIII, como todo bom monarca, mandou matar o filósofo, conseguiu a anulação do primeiro casamento e de quebra... Continuar Lendo →

Carta inédita de Escobar a Capitu

Estes dias deixaram em minha surrada caixa de correio, uma pequena caixa de papelão envolvida naqueles papéis rosa de mercearia barata. Dentro havia uma correspondência antiga tendo como destinatário FREDERICO MORIARTY. Reproduzo-a abaixo e com exclusividade para os leitores do Terceira Margem pelo inestimável valor estórico e por entender ser verídica e autêntica sua origem.... Continuar Lendo →

Os outros

FREDERICO MORIARTY (CRÔNICA) Ela colocou o melhor e mais caro biquíni. Amarrou no ponto exato em que o derrieré parece maior e mais arredondado. Não só isso, o nó servia para ressaltar o corpo e o desejo de quem visse. Parou em frente a cascata artificial. Deixou algumas gotas respingar sobre o corpo e começou... Continuar Lendo →

Feiticeiras, Sabás, a Santa Inquisição e a caça às bruxas

FREDERICO MORIARTY - Marina Raskova, Yekaterina Budanova, Maryia Smirnova e Yevendokia Bersghanskaia eram as Naschthexen. Pilotas da Aeronáutica Soviética, elas pertenciam ao 588° Regimento de Bombardeiros Aéreos. Voavam com um teco-teco de madeira e lona utilizado para pulverizar o campo comunista até 1942. Tornou-se um dos únicos regimentos femininos de toda a 2° Guerra.

Em algum lugar do passado

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Estamos em 1980 e uma nonagenária entrega um relógio a um belo rapaz. Trata-se de um relógio de bolso datado de 1912. A peça vem acompanhada de uma fala "volte para mim". O rapaz depois de muitas tentativas, consegue retornar ao passado. Entrega o relógio a uma jovem atriz de 20 anos. Era a mesma senhora que lhe deu o relógio 68 anos depois.

Erica Jong e o medo de voar. Por uma literatura feminista

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Erica Jong nasceu em 1942 na cidade de Nova York. Estudou língua inglesa e desde os 26 anos já fazia sucesso como poetisa com versos de pitadas eróticas.Em 1973 a escritora publica Medo de Voar, obra de cunho autobiográfico, virando um best-seller instantâneo ao vender 27 milhões de exemplares.

Kathrine Switzer: correndo contra o machismo

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Filha de um major norte-americano alocado em Amberg, na Alemanha ocupada, Kathrine Switzer veio para os Estados Unidos aos 2 anos de idade por conta da divisão política do país em duas Alemanhas ( 1949). Boa aluna e excelente escritora, Kathrine decidiu fazer o curso de Comunicações. Suas notas a levaram até a Syracuse University, em Nova York...

As mulheres na Antiguidade Clássica

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - A cidade-estado de Eraclea estava protegida das invasões persas por imensos muros. Mas naquela manhã de 475 a.C., os habitantes viram um cortejo diferente: uma bela mulher vestida de guerreira, com vestais dançando à sua volta, caminhava em direção ao oráculo das deusas. Atrás dela havia uma imensa urna, um baú dourado...

Divino é meu Pai. Divino é da Guia, o Ademir, filho de Domingos

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Alfredo Metidieri foi empresário da tecelagem em Votorantim e Sorocaba. Fanático por futebol, tornou-se presidente do E.C. São Bento nas décadas de 60 e 70, auge do azulão sorocabano. Em 1976, apoiado pelos clubes do interior, virou presidente da Federação Paulista de Futebol ( FPF). No Paulistão daquele ano o Palmeiras veio...

Love Story. A mais triste das histórias de amor do cinema faz 50 anos

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Erich Segal era um atleta regular. Em 1964 teve seu melhor resultado na Maratona de Boston. Terminou em 64° lugar com o tempo de 2h56'. Tornou-se professor de grego e latim clássico na Universidade de Harvard. Seu doutorado foi sobre Plauto. Pra melhorar a renda escrevia roteiros e tentava vendê-los para Hollywood...

Pretty Woman: ‘Uma linda mulher’ faz 30 anos

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Filmes comerciais são sempre execrados e achincalhados. "Uma Linda Mulher" era machista (hoje seria tachado de sexista) e inverossímel. Como acreditar no amor entre um lindo bilionário, frio e calculista, e uma prostituta de rua e do baixo meretrício, com suas falas grosseiras e roupas obscenas.

Os arquétipos femininos

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Carl Gustav Jung definiu os arquétipos e o inconsciente coletivo em sua obra de 1933. Segundo Jung, um dos fundadores da Sociedade Psicanalítica junto com Freud, primeiro o sucessor natural do médico vienense e depois inimigo mortal do mestre, os arquétipos seriam imagens primordiais pertencentes a uma diversidade de culturas e civilizações, com as mesmas características.

Lilith, a Lua Negra

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - O blog inicia uma série de seis textos sobre a identidade feminina. Neste primeiro post, temos Lilith, depois as mulheres na Antiguidade, os arquétipos femininos, duas visões literárias: uma com Machado de Assis e outra com Nelson Rodrigues. O ciclo termina com bruxas e feiticeiras. Não perca nenhum capítulo!

Janete Clair: a rainha das telenovelas brasileiras

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Jenete Emmer nasceu em 1925 nas Minas Gerais. Para ajudar a família, aos 14 anos fazia bico de locutora de rádio. Depois trabalhou em farmácia e de datilógrafa. Voltou para as rádios. Aos 25 anos casou-se com o escritor Dias Gomes. Por ser comunista, Gomes foi perseguido e o casal mudou-se para o Rio no início dos anos 60.

As personas de Oscar Wilde em “O Retrato de Dorian Gray”

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Raramente a obra de um artista confunde-se com a vida do mesmo. Escritores visionários transcendem sua insignificância, ou entram num conflito interno em que a arte nega a existência e vice-versa. Interpretar grandes obras nos é tortuoso, pois a primeira tentação é buscar nas experiências individuais as pistas para entendermos a questão estética.

Nada irá bater tão forte quanto a vida. Rocky, um lutador.

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - A derrota no Vietnã abalara a moral conservadora norte-americana. O país passara quase 11 anos no Sudeste Asiático. Perdeu-se por lá US$ 1,5 trilhões e 59.000 soldados, mesmo tendo jogado mais bombas contra os vietcongs do que em toda a 2ª Guerra Mundial. Movimentos em defesa da paz, luta pelos direitos civis, recessão econômica e escândalos políticos complicavam a atmosfera conturbada do país.

White Jordan: a história da rainha Hortência

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota)- As categorias de base do basquetebol eram divididas por idade. Com 16 anos eu jogava na categoria infanto-juvenil pela Associação Desportiva Classista Minercal. Naquele ano a empresa decidiu investir pesado no basquete feminino. Trouxe meia dúzia de excelentes jogadoras e ela, a rainha das quadras: Hortência Marcari. Dona de vários títulos e muitas cestas, a moça de Potirendaba passou 8 anos em Sorocaba. Ganhou tudo o que se possa sonhar no esporte coletivo.

Rei Pelé: (quase) 80 anos

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Quarta feira, 19 de novembro de 1969. Eu estava prestes a completar 2 anos de idade. O Jornal Nacional noticiava a segunda viagem do homem à Lua. Mas nada superava a ansiedade em assistir o jogo pelo Roberto Gomes Pedrosa, o Brasileirão dos anos 60. De um lado do Maracanã, o Vasco da Gama. Doutro, o imortal Santos Futebol Clube. Em campo, o sobrenatural rei do futebol...

Eu quero uma casa no campo. A filosofia de Epicuro

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Quintus Horatius Flaccus, poeta romano dos fins da República e início do Império, tem duas palavras insertas num verso do seu “Carminum I, 11” muito conhecidas e decerto pouco entendidas. Dum loquimur fugerit invida aetas: carpe diem, quam minimum credula postero.

O Futebol Total holandês: como a Laranja Mecânica revolucionou o esporte nos anos 70

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Dirceu parecia Gulliver na Terra de Brobdingnag. A personagem de Jonathan Swift deixara Lilliput onde era um gigante em meio à monarquia e agora via-se frente a homens 11 vezes maiores. O ponta falso Dirceu vestia a mística camisa da Seleção Brasileira, terra do sobrenatural Pelé e que havia ganhado 3 das últimas 4 copas. Atordoado em toda a partida, o Brasil desceu o sarrafo na Holanda...

Il Postino e o poeta comunista Pablo Neruda

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando la Pelota) - Não posso lhe dizer com palavras diferentes das que escrevi, quando você explica uma poesia, ela se torna banal. Melhor que a explicação é a experiência dos sentimentos que a poesia pode revelar a uma alma suficientemente aberta para ouvi-la. Essa fala acima é de Pablo Neruda ao... Continuar Lendo →

JT: quase meio-século de bom jornalismo e experiências de linguagem

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Quinta feira, 13 de outubro de 1977, Geisel anuncia a demissão do ministro da Guerra Sylvio Frota, partidário da linha dura. Ainda teríamos sete longos anos do regime ditatorial. Naquela mesma noite, o time da massa, o time do povo, que viu sua torcida crescer exponencialmente no maior jejum de títulos da sua história,...

O dia em que os soviéticos transformaram os deuses americanos em humanos

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota)- Vladimir Kondrashin jogou basquete. Virou técnico do Spartak Moscou. Inovador, passou a treinar a seleção juvenil de basquete masculino da União Soviética em 1967. Passados quatro anos, Kondrashin assume a seleção principal com um objetivo: derrotar os sobrenaturais norte-americanos. Na mais triste Olimpíada da história, a de Munique, em 1972, os comunistas vinham de quatro derrotas...

Além do Bem e do Mal: Caim e Abel na obra de John Steinbeck

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Adão e Eva primeiro tiveram dois filhos, Caim e Abel. O primogênito arava a terra e o caçula cuidava dos rebanhos. Caim entregou a Deus o fruto do seu trabalho em dádiva. Já Abel entregou-lhe um bezerro. O senhor recebeu o novilho com regozijo e menosprezou os frutos de Caim. Rejeitado por Deus, ele...

É a economia, estúpido!

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Introito. Este texto foi publicado originalmente no feice no dia 26 de março. A urgência da pandemia trouxe a postagem a este espaço também. O próprio presidente dos Estados Unidos reconheceu ontem a importância do exposto aqui. Mais ainda: citou os mesmos dados: de 100 mil mortos a 2,2 milhões se nada for feito. Nós, do Terceira Margem, reforçamos: fique em casa!!! #coletivoterceiramargem #fiqueemcasa

Diário da Quarentena. Dia 10. Noite.

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Saímos da fase 1, a da euforia com o isolamento. Estamos em meio à fase 2: o conflito. Cansamos, mas não temos alternativa. Logo virá a tentativa de equilibrar os opostos. Não posso sair com "Odeio ficar em casa". Quando as mortes passarem do milhar e a maioria de nós tivermos perdido alguém próximo ou tenha alguém querido em estado grave, entraremos em depressão. Será a fase mais difícil e dolorosa...

Sobrevivendo em meio à pandemia: o Decameron de Boccaccio

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Como sobreviver a uma pandemia? Como resistir física e psicologicamente a uma quarentena? No final do século XIV, o século da crise medieval, o professor e escritor italiano Giovanni Boccaccio nos ofereceu uma alternativa: retiro artístico, amizade e estórias. Decameron é um conjunto de 100 estórias e contos escritos, entre 1348 e 1353 - tempos da peste bubônica na Europa. Boccaccio dá voz aos jovens num antídoto contra o tédio do isolamento e o desespero perante à praga impiedosa.

Fabian Manning: uma lenda desconhecida do tênis

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Fabian Keaton Newcombe Manning nasceu na Nova Zelândia, em fevereiro de 1885. Seu pai, Layer Keaton Newcombe, era um comerciante de pesca inglês que veio em busca do ouro nas Terras do Norte. Acabou se apaixonando por uma nativa Maori e ficou por lá.

Vinte e um anos de Matrix: a maioridade do clássico cyberpunk

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando la Pelota) - Certa vez comentei com um conhecido que gostaria muito, por ser historiador, de conhecer o Egito, um dos berços da civilização. O cidadão caiu na gargalhada e vociferou: - Por que você não vai à Disney? Nos estúdios tem as pirâmides que utilizaram pra filmar Cleópatra... Óbvio que aquele homem, tomado de ignorância e dinheiro, jamais saberá quem foi Jean Baudrillard mas sua fala descreveu à perfeição os conceitos de simulacro e simulação do sociólogo francês..

Nadia Comaneci: uma mulher (como quase todas) que foi do céu ao inferno no mundo dos homens

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Béla Karólyi passeava pelas ruas da cidade industrial de Onest da Romênia comunista. Corria o ano de 1968. Meses antes, na vizinha Tchecoslováquia, ocorrera a Primavera de Praga, uma tentativa de trazer democracia e liberdade para o mundo socialista. As tropas do Pacto de Varsóvia acabaram com o "assalto aos céus " ainda antes do fim de ano. Karólyi era o técnico da seleção romena de ginástica e procurava meninas talentosas para o esporte...

Todas as almas merecem o Paraíso?

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Helga, 12 anos. Hildegard, 10 anos. Helmut, 8 anos. Hedwig, 7 anos. Holdine, 5 anos. Heidrun, 4 anos. Papai Goebells, na iminência de ser preso no bunker de Hitler, mata envenenados seus 6 próprios filhos (todos com a inicial H para homenagear Hitler). Depois, matou a esposa Magda. A covardia do soldado que não queria passar o vexame de se entregar aos aliados, o fez se suicidar em seguida.

Não deixarei o legado de nossa miséria

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Ray Bradbury escreveu o romance "Fahrenheit 451" em 1953. Na distopia futurista, a sociedade abandonara o pensamento crítico, o debate de ideias e a leitura. Basicamente assistiam televisão ou, no máximo, folheavam livros sem palavras ou letras. Os bombeiros agora caçavam quem gostava de ler e possuía livros. Caso alguém encontrasse livros, seria incinerado a 233°C. Os subversivos leitores eram perseguidos e mortos pelo Sabujo, um cão cibernético de oito patas e 10.000 venenos.

Sinal de alerta: a teledramaturgia antenada da Globo

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - No início de 1979, Daniel Breláz é eleito deputado pelo Parlamento Suíço. O matemático e político helvético se tornou o primeiro parlamentar do mundo a se eleger por um Partido Verde. Ambientalista e sério, Breláz se reelegeu entre 1979 e 2001, quando deixou o cargo legislativo para tornar-se prefeito de Lausanne, na Suíça. Exerceu o cargo por 12 anos. O partido helvético não foi o primeiro "Green Party". A primazia dos partidos verdes pertence à Tasmânia. Nasceu pra lutar pela preservação da fauna e flora em 1972 - e do demônio, claro.

De Santos e Macunaímas. Histórias e Lendas do Futebol Brasileiro

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando la Pelota) - Faltavam 20 dias para a Copa da Suécia de 1958. O Corinthians tomava uma sapecada de cinco da Seleção Brasileira que pela primeira vez se preparara de forma planejada para o torneio. O zagueiro corintiano Ari Clemente não aguentou mais um drible e acertou criminosamente o joelho do menino Pelé. Feola põe as mãos à cabeça: “Não posso perder um garoto que as 16 anos fizera dois gols em sua estreia na seleção contra a Argentina", lamentou. Vicente Feola nasceu em...

Agatha Christie, acima dela só a Bíblia (e um tal de Shakespeare)

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando la Pelota) - Agatha Mary Clarissa Miller nasceu em Devon (Inglaterra), em 1890. Sendo mulher, não pode estudar em escolas normais e sua educação foi fornecida pela mãe. Pegou gosto pela literatura de Charles Dickens, Lewis Caroll, Conan Doyle e Edgar Alan Poe. Prometeu à irmã que escreveria romances policiais. Em 1916, terminou sua primeira história: "O Misterioso Caso de Styles".

Festival de Besteiras que Assola o País (Febeapá) – Edição 4

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Tinha pra mim que estava dormindo, mas a voz insistente de uma senhora me dizia o contrário. - Acorda, Frederico!! É a tia... - Que tia? Já morreram todas. - Tia Zulmira - Não tive tia com esse nome. - Eu sei. Vim da parte do meu amigo, ele quer escrever o 4° Febeapá, mas como morreu, precisava de alguém para o intento. Quer que você psicografe pra ele - Ele quem? Eis que aparece um senhor de 60 e poucos de idade, cabelos grisalhos, óculos de aro preto grosso como uma barra de ferro. Camisa do Botafogo e voz de gralha. - Frederico, tudo bem? Sou o Stanislaw...

Errar é umano

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Era meu segundo ano em sala de aula e segundo na faculdade de História. Cursinho noturno e eu ministrando... geografia. A aula do dia tinha como tema "Fuso Horário". Resolvo um, resolvo dois exercícios, eis que decido inventar um terceiro. Um desafio à inteligência dos alunos. Dito o problema. Minutos depois vou resolvê-lo. Conta pra cima, conta pra baixo, oeste, leste e... nada.

Modesto Carone (1937-2019)

FREDERICO MORIARTY / MARCO MERGUIZZO (Blogs Pipocando La Pelota e Aquele Sabor Que Me Emociona) - Vestibular da PUC. 1985. Direito. Moriarty era um caipira sonhando com a cidade de São Paulo. O bom rendimento em humanas e gramática não seriam suficientes para recuperar a baixa nota em exatas. No terceiro e último dia era a temida prova de redação. O tema? Um pequeno conto de Franz Kafka sobre um equilibrista em um trapézio refletindo sobre a vida.

A pedra filosofal da nossa vida. Uma História de J.K.Rowling

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando la Pelota) - Joanne Rowling nasceu na Escócia numa família de classe média. Aos 17 anos tentou Oxford mas não passou. Acabou fazendo Exeter (a sexta melhor do Reino Unido e 20° da Europa). Estudou Artes Clássicas e Francês. Sempre falou que preferia ler Dickens e Tolkien do que os textos acadêmicos. Formou-se em 1986 e foi trabalhar como professora. Voltou para o Reino Unido e, numa tarde, retornando do trabalho num trem, teve a ideia de escrever a história de uma escola de bruxaria.

Titanic e Leo DiCaprio: os agentes do globalismo para destruir o Brasil

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - O Royal Message Sheep-RMS Titanic começou a ser construído em 1908 pela empresa White Star Line, então uma das maiores empresas do setor naval. Os estaleiros irlandeses erguiam ao mesmo tempo uma embarcação gêmea, a RMS Olympic. Passados 4 anos, as duas naus estavam prontas. O Olympic foi abalroado nas docas de Liverpool e quase foi à deriva. Em 15 de abril de 1912, após um choque contra um iceberg, o Titanic naufragou.

Motivo torpe

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando la Pelota) - Peço licença a todos, sabe como é? Parente é parente. Tenho um primo carioca que me envia crônicas quase toda semana. O rapaz anda sem espaço e me pediu o favor de publicar algumas de suas obras. Não posso negar um favor a um familiar. Ele irá assinar... Continuar Lendo →

Mestre Didi e Nelson Cavaquinho: gênios da raça

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Nelson Antonio da Silva e Waldir Pereira foram dois cariocas que fizeram história encontrando formas novas de exercer a sua arte. Negros e pobres, construíram uma carreira sólida, entretanto, são personagens esquecidos pelo tempo. Num país racista e excludente como o Brasil não poderia ser diferente. O primeiro,... Continuar Lendo →

O asfalto engole a terra

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando la Pelota) - John Manuel Monteiro faleceu, ano passado, num trágico acidente automobilístico. O historiador e professor da Unicamp estudava o passado colonial de nossos índios. “Negros da Terra”, sua tese de doutorado e depois publicado em livro pela Companhia das Letras, foi a descoberta da economia colonial de São Paulo para mim. Monteiro era crítico à história "quatrocentona paulista" com suas entradas e bandeiras, além das pujantes aventuras do bravo habitante de Piratininga.

Blade Runner e o Tempo de morrer. De unicórnios e androides.

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Jung defendia a existência de um inconsciente coletivo. A humanidade produz um arsenal de imagens, sentimentos, conhecimentos e comportamentos arquetípicos que são transmitidos (sem a interferência racional), de geração em geração. Ridley Scott é a prova do acerto da tese elaborada pelo suíço, herdeiro inicial e inimigo visceral de Freud na Sociedade Psicanalítica. Inconscientemente sua ficção científica - Blade Runner - é repleta de alusões inesperadas.

Associação Atlética Portuguesa Santista versus Apartheid

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Santos possuía o maior porto do Brasil em 1917. Havia muito comunista por lá também. A greve geral de 1917 começou ali. A cidade era um canteiro de obras e aos poucos o futebol tornava-se popular. Dois times se destacavam: o Hespanha (atual Jabaquara) e o lendário Santos Foot Ball Club. Os imigrantes lusitanos fundariam, em 20 de novembro de 1917, a Associação Atlética Portuguesa.

O Centro do seu Deserto

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Todos nós nos deparamos com personalidades semelhantes a um vaso chinês. Abaulados, tomados de detalhes e com uma beleza kitsch. Podem ser sensíveis, aparentemente cultos, mas insossos. Sem utilidade. Nenhuma serventia. São objetos que se bastam. Tão apaixonados por si mesmos, tão ególatras que o encanto inicial de sua aparência se desfaz em meio a tanto tédio e solidão narcísica. John Marcher é assim. Sensível, dado a poesias, sentindo-se especial com "um destino único e trágico" pela frente, ele é um Ulisses sem Ítaca.

Ressuscitem o rock

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Peguei o Cometa de madrugada e fui pro Rio. Iria me encontrar com uns amigos cariocas que haviam jogado basquete em Sorocaba. Pela primeira vez teríamos um festival de Rock no Brasil. Era janeiro de 1985 e chovia muito. Bandas de qualidade internacional se misturavam a ilustres desconhecidos, cantores da MPB e de bandas do nascente rock nacional.

A mais-valia vai acabar, senhor Edgar. O dramaturgo Vianinha

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Esta semana diversos membros do governo, além do guru esotérico-terraplanista Olavo de Carvalho, voltaram suas armas para o maior dramaturgo brasileiro: Oduvaldo Vianna Filho, o Vianninha. O novo diretor da Ancine acusou Vianninha de ser um agente comunista nas artes brasileiras e um "gramsciano empedernido". Pré-indicado ao Nobel de Literatura há 3 anos, Vianninha respondeu com bom humor: "É a ascensão dos néscios. O pântano que pensa ser ribeirão".

Manual de Sobrevivência no Inferno para Pretos e Pobres no Brasil. A obra dos Racionais MCs

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Sexta-feira quente, eu voltava de São Paulo. Cometa lotado. A única diversão da gente era o velho walkman. Ouvia uma fita dos Paralamas do Sucesso. Os PMs armados voltavam para casa com um riso indisfarçável. Horas depois, descobri a notícia: naquele 2 de outubro de 1992, para conter uma suposta rebelião no Carandiru, a maior casa de Detenção da América Latina, 111 presos foram mortos, a maioria deles com tiros na nuca.

O perigo do comunismo Chinês: o delírio paranoico do Recruta Zero

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Em 1990, o Brasil era a décima economia mundial. Nosso PIB totalizava US$ 500 bilhões. A renda per capita era de US$ 3.800. Éramos responsáveis por 1,7% do comércio internacional . Inovação tecnológica: contribuíamos com 6% das pesquisas. Nossos desastrosos problemas sociais complicavam a conta: 12% de analfabetos, 35% de analfabetos funcionais, 32% da população abaixo da linha da pobreza, 67% dos brasileiros sem água tratada ou esgoto, mortalidade infantil em 46 por 1.000, salário médio de R$ 900, a terceira maior desigualdade econômica do mundo (índice Gini).

Acima ↑