Ressuscitem o rock

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Peguei o Cometa de madrugada e fui pro Rio. Iria me encontrar com uns amigos cariocas que haviam jogado basquete em Sorocaba. Pela primeira vez teríamos um festival de Rock no Brasil. Era janeiro de 1985 e chovia muito. Bandas de qualidade internacional se misturavam a ilustres desconhecidos, cantores da MPB e de bandas do nascente rock nacional.

A mais-valia vai acabar, senhor Edgar

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Esta semana diversos membros do governo, além do guru esotérico-terraplanista Olavo de Carvalho, voltaram suas armas para o maior dramaturgo brasileiro: Oduvaldo Vianna Filho, o Vianninha. O novo diretor da Ancine acusou Vianninha de ser um agente comunista nas artes brasileiras e um "gramsciano empedernido". Pré-indicado ao Nobel de Literatura há 3 anos, Vianninha respondeu com bom humor: "É a ascensão dos néscios. O pântano que pensa ser ribeirão".

Manual de Sobrevivência no Inferno para Pretos e Pobres no Brasil

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Sexta-feira quente, eu voltava de São Paulo. Cometa lotado. A única diversão da gente era o velho walkman. Ouvia uma fita dos Paralamas do Sucesso. Os PMs armados voltavam para casa com um riso indisfarçável. Horas depois, descobri a notícia: naquele 2 de outubro de 1992, para conter uma suposta rebelião no Carandiru, a maior casa de Detenção da América Latina, 111 presos foram mortos, a maioria deles com tiros na nuca.

Pós 7 a 1 teutônico: Império do Mao contra o Brazil do 00

FREDERICO MORIARTY (Blog Pipocando La Pelota) - Em 1990, o Brasil era a décima economia mundial. Nosso PIB totalizava US$ 500 bilhões. A renda per capita era de US$ 3.800. Éramos responsáveis por 1,7% do comércio internacional . Inovação tecnológica: contribuíamos com 6% das pesquisas. Nossos desastrosos problemas sociais complicavam a conta: 12% de analfabetos, 35% de analfabetos funcionais, 32% da população abaixo da linha da pobreza, 67% dos brasileiros sem água tratada ou esgoto, mortalidade infantil em 46 por 1.000, salário médio de R$ 900, a terceira maior desigualdade econômica do mundo (índice Gini).

6 meses (um poema)

FREDERICO MORIARTY (do Blog PIpocando La Pelota) - À margem esquerda, trago meus erros

À margem direita, a inquietude

Entre as duas, a água em que navega minh'alma

Ela flui indecisa, indelicada

Descontrolada

Arranca as pedras do meu coração

Beijo. Bacium. Kiss. E uma lição de descompostura.

FREDERICO MORIARTY (do Blog Pipocando la Pelota) - O beijo. Ou no italiano, il bacio, a língua escorre deliciosamente pela boca. Em inglês, ao pronunciarmos kiss, prendemos a língua sensualmente entre os dentes. Em alemão, não é muito agradável falar Kuss. Tem ainda o beso, em castelhano, originário do termo em latim basium. Para dizer a palavra na língua falada na Roma Antiga, exige-se a movimentação dos mesmos doze músculos necessários para tascar um delicioso beijo.

Há 50 anos morria El Tigre, o mulato de olhos verdes, autor de 1.329 gols e que jamais perdeu um pênalti

FREDERICO MORIARTY (Pipocando La Pelota) - No ensolarado domingo de 16 de setembro de 1928, o supercampeão E.C. Paulistano martelava o gol do pobre União da Lapa. O goalkeeper estava com os dois pés fincados na linha do gol. Na marca do pênalti, o center forward preparava-se para marcar seu quinto gol dos sete da agremiação pertencente à elite paulistana. Arthur corre pra bola e chuta forte no canto direito. O arqueiro da Lapa pula como um felino e defende milagrosamente.

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑