Ceticismo: a dúvida como garantia de tranquilidade

MARCELLO FONTES e HENRIQUE GONÇALVES DE PAULA (Blog Em toda e em nenhuma parte) - Afinal, a dúvida é um problema ou uma solução? O cético filosófico não descrê ou duvida por birra ou mero cacoete implicante, mas por desejar ser sincero, uma vez que compreende a impossibilidade de uma verdade absoluta. E como veremos, essa postura não lhe traz nenhum desconforto ou inquietude; ao contrário, produz paz, sossego e tranquilidade.

O Massacre de Canudos

FREDERICO MORIARTY "O sertanejo é, antes de tudo, um forte. Não tem o raquitismo exaustivo dos mestiços neurastênicos do litoral. A sua aparência, entretanto, ao primeiro lance de vista, revela o contrário. Falta-lhe a plástica impecável, o desempeno, a estrutura corretíssima das organizações atléticas. É desgracioso, desengonçado, torto. Hércules-Quasímodo, reflete no aspecto a fealdade típica... Continuar Lendo →

Mais louco é quem me diz

FREDERICO MORIARTY - Passei por agora em frente ao hospício. Uma das casas de loucos que me tio viveu. Está abandonada. Muros pichados, portão alquebrado e ao fundo se consegue ver o prédio central em ruínas. O prédio hoje é uma metáfora do que fizeram com meu tio e outros doidos varridos: cérebros fritados, corpos... Continuar Lendo →

O ódio solto no pasto

CARLOS ARAÚJO (Outro Olhar) - Meu romance “O ódio solto no pasto” está em pré-venda e em breve estará nas livrarias e em e-book. A obra é uma publicação da editora Astrolábio, do Grupo Atlântico, que tem atuação nos mercados editoriais brasileiro e português.

Todas as coisas são feitas de água

FREDERICO MORIARTY (Blog do Frederico Moriarty) - Corria o século VII a.C. e o sábio Tales de Mileto fundou a escola jônica. Era necessário separar definitivamente a religião e a mitologia do verdadeiro conhecimento da causa primeira de todas as coisas. Buscava uma explicação racional, concreta e matemática para a Archè. A filosofia estudava a natureza (a physis).

Uma surpresa para Carla

CARLOS ARAÚJO (Blog Outro Olhar) - Mário Melo entrou num bar da Mooca. Não sabia se pediria vinho, cerveja ou água. Acabou pedindo refrigerante, mais pelo calor do que pela bebida em si. E, enquanto esvaziava a garrafa, pensou em Carla. Como ela reagiria quando ele chegasse em casa? Ele não avisara que voltaria naquele momento, um sábado de manhã. Carla com certeza teria um choque de surpresa. Ele viajara ao exterior para trabalhar, ganhar dinheiro e retornar em dois anos. E agora, em metade desse tempo, estava de volta. A combinação de sorte com ousadia o levara a ganhar em tempo recorde mais dinheiro do que havia previsto. Agora tinha recursos suficientes para uma vida digna.

Estórias Pophulares: Foot Ball no céu

FREDERICO MORIARTY Jesus Cristo andava meio esquisito. Pensativo. Reflexivo demais. São Pedro até tentou conversa, mas o filho de Deus estava acabrunhado. Em meio as nuvens alvíssimas e o sol que esquentava a todos no paraíso, Cristo refletia sobre os prazeres mundanos. Deu um estalo, brilharam-lhe mais ainda os olhos.Meu querido Santo Antônio, achegue mais.... Continuar Lendo →

O Natal de Miudinho

CARLOS ARAÚJO (Blog Outro Olhar) - Miudinho, um garoto que vivia na rua e era tão pequeno como indicava o apelido, atravessou a ponte e tomou o rumo do centro da cidade. Gostava de andar de um lugar para outro nessa época do ano. Havia mais gente na rua, tanta gente que as pessoas se atropelavam. Carregavam sacolas, olhavam vitrines, iam e voltavam, subiam e desciam escadas, entravam e saíam das lojas, comparavam preços e produtos. As criaturas ficavam mais solidárias nesses dias que antecediam o Natal e Miudinho era beneficiado porque nesse período essa gente lhe dava mais atenção.

Pouca água no curso do rio já revela as consequências das reduções de vazão ocorridas em Itupararanga

SANDRA NASCIMENTO (Blog Rio Sorocaba Conta Histórias) - Sem precisar andar muito, quem percorre apenas um pequeno trecho do passeio às margens do Sorocaba já pode perceber um fino curso d’água seguindo lentamente. Neste período de seca, já considerada a maior da história, as sete reduções de vazão que ocorreram nos últimos meses na represa de Itupararanga demonstram claramente que o reservatório (sinalizando um índice de menos de 817,45 metros sobre o nível do mar) já atingiu o seu volume morto. Abaixo deste índice a água é considerada imprópria para o consumo.

Dever, autonomia e emancipação: a ética de Kant

MARCELLO FONTES (Blog Em toda e em nenhuma parte) O que Kant propõe é uma moral despida de qualquer ideologia ou dado da experiência, calcada apenas na razão, do mesmo modo quando ao examinar a razão diante do conhecimento o fez. Essa lei moral é algo interno, que acompanha a razão prática e deve ser obedecida apenas a partir da própria racionalidade, independente de impulsos ou tendências. Esta lei moral e sua realização estaria diretamente ligada à liberdade, como condição de autonomia e seguindo um dever que se estabelece na consideração daquilo que é o bem, considerando-se o lugar do indivíduo na humanidade.

Direita e extrema direita congestionam pista para o poder em 2022

GERALDO BONADIO (Blog do Bonadio) - Competindo entre si e trocando farpas que nada ficam a dever às críticas que os partidos de esquerda trocavam entre si, em tempos idos, tais eventos sugerem, em seu conjunto, a possibilidade de uma fragmentação dos grupos conservadores e reacionários, cuja superação vai dar trabalho aos seus efetivos comandantes – o capital financeiro, o agro pop e tech e os operadores do que foi, antigamente, o aguado sindicalismo patronal encabeçado pela Fiesp – bem como os impérios midiáticos das grandes empresas religiosas, parte das quais – como as de Edir Macedo e a do apóstolo Valdemiro – em mal acobertadas crises financeiras.

Sobre os atores e como gostamos de ser tratados

PAULO BETTI (Blog do Paulo Cabra) - Gosto dos diretores. Mas ouso lhes dar um conselho: não fiquem inseguros. Se o texto for bom, se vocês souberem a história que querem contar, se planejarem bem as filmagens, se o produtor for organizado e a comida no set for razoável, nós faremos com paixão nosso trabalho.

Conferência do Clima (COP26) em Glasgow/Escócia adia soluções que podem deter o aquecimento global

SANDRA NASCIMENTO (Blog Rio Sorocaba Conta Histórias) - Planejada pela Organização das Nações Unidas (ONU), chegou ao fim a Conferência do Clima em Glasgow/Escócia, no último sábado (13). Infelizmente, depois de 14 dias de discussões, os acordos ainda são insuficientes para o enfrentamento aos problemas de emergência climática. Assuntos fundamentais ficaram para depois ...

No Maracanã, com Paulo Cézar Caju

PAULO BETTI (Blog do Paulo Cabra) - Sentei ao lado de Paulo Cézar Caju no Maracanã, no jogo desse domingo do Fluminense contra o Palmeiras. Pedi desculpas pela máscara e pela falta de aperto de mão; ainda estou paranoico com a covid. Demonstrei logo que era fã dele, por ele ter jogado na Seleção de 70. A melhor de todos os tempos. Ele disse que tínhamos que considerar a de 58, com Nilton Santos, Pelé e Garrincha. Que a melhor de todos os tempos seria a de 58 no primeiro tempo e a de 70 no segundo.

“Filmambiente/2021” reuniu 43 produções para promover o conhecimento e debates sobre questões ambientais

SANDRA NASCIMENTO (Blog Rio Sorocaba Conta Histórias) - Anualmente, acontece no Brasil um festival internacional de filmes que apresenta as melhores e mais recentes produções sobre importantes questões ambientais de todo o mundo. Intitulado "Filmambiente", o festival foi criado em 2010 com o propósito de promover filmes e animações que possam ampliar o conhecimento ambiental, bem como provocar o debate sobre mudanças que precisam acontecer no comportamento de governos, empresas e sociedades.

Meu Deus, a Mulher Maravilha é bissexual e vivia num Trisal!!

FREDERICO MORIARTY - A comédia de erros iniciou-se aqui: Jonathan Kent tasca um beijo sexualmente ardente em Nakamura... Perceberam o primeiro equívoco? A identidade secreta do Superómi é Clark Kent, não Jonathan. A indignação seletiva e homofóbica do jogador de volêi Mauricio Sousa e outros tantos milhões de brasileiros preconceituosos é, antes de tudo, desconectada... Continuar Lendo →

As balas do Papai Noel

CARLOS ARAÚJO (Blog Outro Olhar) - Havia uma praça, um grupo de crianças e um Papai Noel. O velho de barba branca e roupa vermelha chegou à praça em pé na carroceria de um caminhão. As crianças cercaram o veículo. Eram meninos e meninas que acreditavam que o Papai Noel era uma figura verdadeira. Nada os faria pensar diferente.

Os sinais do apocalipse

Existem algumas leis básicas da boa gastronomia:1. Jamais. Isso mesmo, jamais peça uma fritura num boteco de esquina ( de ovo então, são criminosos); Assassinato gastronômico, a pizza xis tudo 2. Em Pizzarias desconhecidas peça a velha e boa muçarela. Em nenhuma hipótese escolha uma que traga muitos ingredientes. "Da Casa" apenas se quiser morrer... Continuar Lendo →

Sinal novamente fechado

FREDERICO MORIARTY. O texto abaixo foi escrito há exatos 3 anos. Infelizmente é válido ainda. Sabe aquele negro que você diz ser vagabundo?É 58% do país – direta ou indiretamenteSabe aquela mulher que recebe um salário menor?Porque é mulher.É minha esposaSabe aquela mulher que não foi estuprada?Por não estar no padrão estético imposto pela sociedade…É... Continuar Lendo →

Visões do Paraíso: a obra única de Sérgio Buarque de Holanda

FREDERICO MORIARTY Cultura material e cultura: a análise fundadora de Sérgio Buarque de Holanda Edição: HOLANDA, Sérgio Buarque. Visão do paraíso. 6ªed. São Paulo, Brasiliense.1994. O texto de Sérgio Buarque de Holanda em sua época O período histórico em que o livro veio à tona é de grandes transformações no Brasil e no mundo. Num... Continuar Lendo →

Morto de piruá (conto)

JOSÉ CARLOS FINEIS (Blog Conversa de Armazém) - Antes de mais nada, quero registrar um protesto enfático, irritado mesmo contra o maldito cacófato e todos – jornalistas, políticos, médicos, cientistas, até mesmo professores – que se renderam a ele sem a menor resistência. Cacófato evidente, feio, evitável e -- já que aceito, apesar de evitável -- vagabundo, por meio do qual as palavras “por” e “covid”, escritas ou faladas assim, em sequência, evidenciam de forma grosseira a palavra “porco”: “porco vid”.

Crise hídrica chega a Itupararanga e represa apresenta níveis de água próximos do volume morto  

SANDRA NASCIMENTO (Blog Rio Sorocaba Conta Histórias) - Com a escassez de chuvas, a represa de Itupararanga chega em outubro apontando os menores níveis de recursos hídricos e um alerta ecoa: pode faltar água! Se não chover, o volume existente poderá não ser o suficiente para as cidades abastecidas pelo rio Sorocaba, nem até o fim do ano.  

Se macumba ganhasse jogo, o campeonato gaúcho terminava empatado

FREDERICO MORIARTY Zélio Fernandino de Moraes estava com 17 anos. Branco, de classe média, católico, natural de São Gonçalo, estado do Rio de Janeiro, estava prestes a se alistar na Marinha do Brasil. Um certo dia ficou totalmente paraplégico. Era 14 de novembro de 1908 quando anunciou para a família que “ amanhã levantarei”. No... Continuar Lendo →

Outsider

CARLOS ARAÚJO (Blog Outro Olhar) - Não fui ao cinema assistir “Vingadores”, não vi a série “Game of Thrones” , nem tomei conhecimento de nenhum jogo da última rodada do campeonato brasileiro de futebol.

De todas as paixões da minha vida, Ana Maria foi a mais dolorida, a mais sentida. Doce como a tangerina, amarga como a existência

FREDERICO MORIARTY - Por que algumas mulheres têm um odor inconfundível? Umas cheiram como as manhãs do mato, outras um trem sem destino, muitas apenas um perfume barato, mas que penetra pelas narinas, agrada aos olhos e não deixa que passem despercebidas. Ana Maria não era assim. Aquela mulher alta, de pernas grossas e uma... Continuar Lendo →

Crítica: espetáculo Entre

CENA METROPOLITANA/ JOSÉ SIMÕES- O espetáculo teatral Entre se apresenta ao espectador como a união da tecnologia e a instalação artística, para investigar as relações do corpo humano com o ambiente, com a história, com as emoções pessoais e as lembranças. Homi Bhabha (O Local da Cultura) propõe que as culturas surgem como resultado, não... Continuar Lendo →

Justiça para todos ou Sentimento de Vendetta? – Parte II: Essa Juventude é assim mesmo!

Everson Pires (Blog Café Envenenado) - Quem nunca foi em uma Festa de cidade do interior, seja do Peão, da Uva, do Bordado, Festa do Doce ,e , de repente, começa uma briga generalizada que ninguém sabe de onde veio e pra onde vai? Aliás, sabemos que, os "playboys" e "paladinos do bem, da moral e dos bons costumes", saem por cima. Já a "cambada", os "favela", a "corja", que nem sempre são detentores desses adjetivos, vão é se dar mal!

Rio Sorocaba torna-se cenário do filme “Benzedeiras do Brasil”, lançado em julho/21, durante o Festival da Paz de Augsburg, na Alemanha

SANDRA NASCIMENTO (Blog Rio Sorocaba Conta Histórias) - Paisagens do rio Sorocaba foram usadas como cenário para o documentário "Benzedeiras do Brasil" (Loja de Ideias, 2021). O filme, lançado na Alemanha, em 23/7, constou no catálogo do Festival da Paz de Augsburg, festividade que acontece desde 1650, entre os meses de julho e agosto, durante o verão europeu.

Sorocaba e o DNA de São Paulo

NILO BRUM (blogueiro convidado) - Embora exista quem defenda a existência de um biotipo brasileiro, é fato incontroverso que o nosso país é composto por uma diversidade de etnias e culturas que tornam muito difícil estabelecer uma identidade nacional. Se isto é verdadeiro para o país, mais evidente ainda o é para os estados da metade-sul que, além dos povos autóctones, receberam uma gama de europeus, asiáticos e africanos, cujas origens seriam difíceis de enumerar aqui.

Paulo José me contou

PAULO BETTI (Blog do Paulo Cabra) - Quando Paulo José e eu fomos gravar “Luna caliente” (1999) no Rio Grande do Sul, um dia ele me contou esta história da estreia de “Julio Cesar”. Eu fiquei encantado e, como já mantinha uma coluna no jornal, tomei nota. Aí chegou um outro colega e eu pedi que ele contasse a história novamente, e acintosamente tomei nota de novo. E assim fiz por uma terceira vez. Chegou uma outra pessoa e eu falei: “Paulo, conta de novo a história da estreia do Júlio César”. A cada vez que ele contava, surgia um detalhe novo.

Na Praça das Mangueiras.

 “É sempre amor, mesmo que mude”. Mesmo que mude - Bidê ou Balde (músicos gaúchos).  Em algum dia de outubro de 2010.   Eu evito contar essa história, pois foi quando eu me perdi. Talvez se eu tivesse sido preso, condenado a morte, virado usuário de crack, mendigo, seria melhor do que eu fiz.   Nesse dia eu... Continuar Lendo →

Tributo ao pai

CARLOS ARAÚJO (Blog Outro Olhar) - Se a mãe é a referência de carinho e proteção, o pai é o símbolo da coragem e da aventura de viver. Enquanto foi possível, eu tive o privilégio da nossa convivência intensa desde os primeiros anos de vida. Guardo a lembrança do tempo em que você me levava sentado nos ombros, suas mãos firmes nos meus braços, eu pela primeira vez enxergando o mundo de uma altura diferente.

Era uma quinta-feira.

"As lágrimas correm e ninguém diz".                                                                 Dalto - músico e compositor brasileiro. BLOG CAFÉ ENVENENADO Embora eu me faça muito de desentendido, de desligado, muito mais por uma questão de sobrevivência em meio a tantas contradições entre “o que... Continuar Lendo →

Muito além de Hiroxima e Nagasaki: as Olimpíadas de Tóquio em 1964

FREDERICO MORIARTY - Na ensolarada tarde de 2 de setembro de 1964, a tocha olímpica chega ao arquipélago de Okinawa, no Japão. Era o primeiro ato das Olimpíadas da Bondade. As escolhas olímpicas foram simbólicas. Okinawa foi palco de batalhas cruentas da Segunda Guerra. A data, 2 de setembro, foi a do armistício japonês com... Continuar Lendo →

Meu pai contava histórias

CARLOS ARAÚJO (Blog Outro Olhar) - A figura paterna se impõe com força nas nossas vidas e ganha atenção especial nesses tempos que antecedem o Dia dos Pais. Como habitualmente, os pais são inspirações para os filhos. Quanto a mim, entre as influências que herdei de meu pai, destaco o gosto pelas histórias contadas em verso e prosa, fictícias e reais, divertidas umas, trágicas outras.

Cuba na geopolítica contemporânea

GERALDO BONADIO (Blog do Bonadio) - Em apoio às manifestações contra o governo cubano, há pouco ocorridas naquele país, o atual presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, optou por assumir e ampliar, em todos os seus termos, as ações contra o governo de Havana levadas a cabo por seu antecessor e rival Donald Trump, em... Continuar Lendo →

O teatro municipal de Sorocaba volta à ativa como ruína

CENA METROPOLITANA - O teatro municipal de Sorocaba foi fechado para reformas emergenciais e urgentes, no segundo semestre do ano de 2019. Em janeiro de 2020, após insistentes pedidos dos artistas, a Secretaria da Cultura informou quais seriam as situações agravantes que necessitavam de medida tão dura. Fechar o teatro. A Secretaria da Cultura, em... Continuar Lendo →

Já vi o filme e não gostei do enredo

GERALDO BONADIO (Blog do Bonadio) - A delirante iniciativa do nano grupo de ativistas que, a pretexto de combater políticas genocidas, incentivadas pelo atual governo, botou fogo na estátua de Borba Gato, em nada atenua as ações que, no campo e na cidade, roubam a vida de negros, indígenas e agricultores sem-terra. Pior: legitima, aos... Continuar Lendo →

Queimem Borba Gato, Anhanguera e asseclas

FREDERICO MORIARTY - "A história é um velho museu abandonado, todavia vivo e pulsante. As janelas estão quebradas e há frestas por todos os cantos, vítimas da passagem inexorável dos dias e estações. Então, vez ou outra, o vento — gélido ou cálido —, as chuvas — torrenciais ou intermitentes —, penetram nos aposentos e... Continuar Lendo →

A liberdade e suas angústias: o existencialismo de Sartre

MARCELLO FONTES (Blog Em toda e em nenhuma parte) - O que exatamente nos torna quem nos somos? Existiria algo que de algum modo nos determinaria a ser o que somos? As escolhas que fazemos são nossas mesmo e fruto de nossa intrínseca liberdade ou parte de um plano previamente definido por alguma instância alheia a nós mesmos? O existencialismo dirá que não existe absolutamente nada que nos determine, nada que antes de nós de alguma forma oriente e conduza nossa existência. Primeiro existimos e existindo, fazemos escolhas que, estas sim, determinarão nossa essência, ou seja, aquilo que iremos nos tornar.

A caneta perdida

CARLOS ARAÚJO (Blog Outro Olhar) - Eram os tempos do AI-5, quando a situação não era nada fácil no Brasil para os comunistas. Saulo Aurélio morava numa rua do centro de Sorocaba. Um dia, na esquina, veio morar um homem com jeito de agente da polícia e Saulo Aurélio ficou com medo. Não tinha feito nada errado, não cometera nenhum crime, não era militante político. Era funcionário público de bem com a vida, gente boa, cumpria as suas obrigações em dia e frequentava a missa todos os domingos. O problema era que tinha amigos comunistas e isso podia ser extraordinário fator de complicação naqueles tempos sombrios.

Ano 1000, Ano 2020

FREDERICO MORIARTY " O primeiro anjo tocou. Saraiva e fogo, misturados com sangue, foram lançados à terra; e queimou-se uma terça parte da terra, uma terça parte das árvores e toda erva verde... O segundo anjo tocou. Caiu então no mar como que grande montanha, ardendo em fogo, e transformou-se em fogo uma terça parte... Continuar Lendo →

Carta à M.

DAVI DEAMATIS (Blogueiro convidado) - E eu, que já me achava à porta do céu, fui salvo pelo meu anjo da guarda. Em vez de me pôr em órbita celeste, arrancou ele o brilho de duas estrelas e o deu aos meus olhos para que eu tornasse a ver o brilho dos seus; e abriu os meus ouvidos para que eu voltasse a escutar o sopro harmônico de sua voz.

Não podemos ficar sem a Lei de Incentivo à Cultura em Sorocaba

CENA METROPOLITANA - A Secretaria da Cultura de Sorocaba anunciou que recebeu recursos (R$ 600 mil reias) e irá aplica-los na modalidade de auxilio emergencial e não mais nos moldes da Lei de Incentivo à Cultura (Linc). Depois da pressão dos artistas retornou ao orçamento da secretaria da Cultura os 600 mil reais que havia... Continuar Lendo →

O fim está próximo…Soylent Green e o ano de 2022

FREDERICO MORIARTY - Harry Harrison foi um dos mais prolíficos escritores de ficção científica norte-americano. Make room. Make room!! ( Abram espaço, abram espaço!) foi publicado em 1966. Sete anos depois ganhou o Nebula de melhor roteiro adaptado para o cinema. Serviu para o filme Soylent Green de Robert Fleischer. Em Portugal o título virou... Continuar Lendo →

#fridasofia e o avião pagador

CARLOS ARAÚJO (Blog Outro Olhar) – Há tempos, a tentativa de resgate de uma menina de 12 anos dos escombros de uma escola comoveu multidões de pessoas em todo o mundo. Era o dia seguinte a um terremoto na Cidade do México. Um militar e uma rede de TV divulgaram detalhes de comunicação dos socorristas com a menina Frida Sofía (esse era o nome), o que aumentou a aflição em meio a tamanha carga dramática. Mas a farsa durou 24 horas: a menina não existia. E o que foi tratado como fato jornalístico não passava de ficção.

O cordeiro desfaleceu em plena Broadway – Do Gênesis à Revelação

FREDERICO MORIARTY - Quase 1 ano de muitos ensaios, shows e apresentações e a banda pensa em desistir. Pudera, o LP " From Genesis to Revelation " vendera apenas 649 cópias. Mike Rutherford, o baixista, levantou três problemas a resolver: mais ensaios, redefinir o estilo musical da banda e orientar as lojas, afinal o LP... Continuar Lendo →

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: