Sétimo dia

PAULO BETTI (Blog do Paulo Cabra) - O terreno da casa do Joca era muito grande, e o pai dele, seu José Lins, guarda-civil aposentado, fez do local um verdadeiro Xanadu, com muitos bichos e tanques onde criava tilápias. Meu pai pegava no pesado com enxadão aplainando e cavoucando o terreno.

Heroicos anuns

EVANDRO AFFONSO FERREIRA (Blog do Evandro) - Será que somente aqueles Anuns, heroicos Anuns, poderiam sair sorrateiros de dentro daquele símbolo máximo daquela cidadela, para resgatar seu proeminente cidadão?

As muitas faces do Poderoso Chefão

FREDERICO MORIARTY )Blog Pipocando La Pelota)- Conheci Mario Puzo aos meus 12 anos. Era uma coleção de banca da Abril "Grandes Sucessos". Um livro a cada 15 dias. Meu pai, filho de um italiano nascido em Sernaglia de la Bataglia e emigrado para o Brasil em fins do século XIX, desafiou-me: "Se garantir que vai ler 1 livro a cada 15 dias, eu compro". A saga de Vito...

O nome da rosa: o medo do conhecimento, das heresias e do riso.

MARCELLO FONTES (Blog Em toda e em nenhuma parte) - A já clássica obra de Umberto Eco, "O nome da Rosa", recentemente adaptada agora para minissérie pode nos trazer lições de como enfrentar muitos medos que ainda persistem atualmente e ressaltar a luta pela liberdade de pensar, sentir e exprimir-se, bem como a necessidade de uma perspicácia para desmistificar tudo aquilo que não se sustenta como verdade factual e lógica, a desconstrução de convenções, não para necessariamente destruí-las, mas para deixar claro que são apenas isso, nomes, acordos e pactos, não realidades intocáveis.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: