Jornada II: Cenotáfio

LUIZ PIEROTTI - Sophia cuida do marido enfermo ao logo de toda uma noite Entre a solidão a tristeza e o medo, algumas lembranças das teorias existenciais do homem voltam à tona, ajudando a esposa a superar a situação e colocando-se como um enorme cenotáfio da sua história. Um grande monumento póstumo destinado ao que... Continuar Lendo →

Jornada I: William Burroughs

LUIZ PIEROTTI (Blog Máquina do Mundo)- Entre 1348 e 1353, o escritor italiano Giovanni Boccaccio escrevia sua maior obra, o Decameron (do grego “deca hemeron”, ou seja “dez jornadas”), uma coletânea de cem novelas narradas por um grupo de jovens que se abrigavam em uma montanha da Florença, fugindo da peste negra. Suas histórias orbitam o amor, o erótico, o sagaz, o moral e...

Não há benefícios se existem vidas perdidas

LUIZ PIEROTTI (Blog Máquina do Mundo) - Assumo a culpa. Há tempos não nos encontramos por aqui, isso porque os últimos dias têm sido tão caóticos por aqui quanto, imagino, por ai. Porém, como gosto de tomar as vezes de “opinador”, resolvi tecer algumas palavras sobre a forma como estamos reagindo a esse período tão incerto e aflitivo da...

Causos sorocabanos: agredido por alienigena

LUIZ PIEROTTI (Blog Máquina do Mundo) - Todo mundo tem uma história para contar, seja ela ardilosa, simples, engraçada ou misteriosa. Foi pensando nesse prazer narrativo que, após um razoável hiato, o Máquina do Mundo volta a dar as caras aqui no Coletivo Terceira Margem para contar uma história! História não, um causo!

Brasil: sobre os ombros da servidão voluntária

LUIZ PIEROTTI - Por volta de 1549, um jovem francês chamado Étienne de La Boéti escrevia um discurso intitulado “Servidão Voluntária”. Nele, tratava do absolutismo francês e de como os servos desses reis voluntariamente aceitavam o totalitarismo imposto. Apesar dos quase 500 anos que nos separam do pensador francês, muitas de suas ideias ainda podem elucidar comportamentos frequentes da contemporaneidade .

A Votorantim do sr. Adão

LUIZ PIEROTTI - Sr. Adão Teles de Ataide chegou em Votorantim no ano de 1957. Cresceu junto com o bairro, viu o município se emancipar e construiu sua vida e memórias na região. O Máquina do Mundo apresenta o segundo episódio da série Memórias Contados, e hoje buscamos as lembranças que recriam a evolução da... Continuar Lendo →

Acima ↑