Eu criei o “Tico” e acabei com a tristeza do meu filho

LUCY DE MIGUEL -- Não há dúvida de que a maternidade venha rodeada de incertezas, inseguranças, muitas noites mal dormidas (e quando “não-dormidas”), mas também nos desperta habilidades inimagináveis, exigindo toda a nossa criatividade e muito amor no coração. Acho que isso é o que chamam de "instinto materno". Posso dizer que tive incontáveis e... Continuar Lendo →

Até que ponto estamos VIVENDO ou apenas EXISTINDO?

LUCY DE MIGUEL –  Ouvi essa frase ao assistir uma comédia italiana chamada “Bendita Loucura” (Benedetta Follia). Nela, o protagonista, de uns 60 anos, se questiona se durante toda a sua jornada ele viveu ou apenas existiu. A cena acontece durante uma conversa através do espelho, onde ele vê sua imagem ainda jovem.  É claro... Continuar Lendo →

Acima ↑