Lembra-se de Homero Homem?

RUBENS NOGUEIRA - Um menino de asas, um cabra das rocas, um nordestino arretado, um jornalista atuante, um escritor popular, um poeta maravilhoso, um ser generoso, um homem de esquerda, um pai afetuoso, um marido apaixonado, um homem brilhante – Homero Homem de Siqueira Cavalcanti. As reportagens semanais que ele assinava cobriam uma página inteira... Continuar Lendo →

Os tijolos de Jerico e outros poemas

JOSÉ CARLOS FINEIS ´- Em vez de muralhas, muretas (e Jericó era Jerico). Sim. Depois de muitos anos de pajelança, de muito bater o pé e levantar a poeira do deserto, desprendeu-se, lindo, impávido, o primeiro tijolo – e plof! (Dizem que Caim odiou Abel em menos tempo. Dizem também que Deus fez o homem em um quarto do tempo.) Sim.

A teus pés

RUBENS NOGUEIRA - O título é de um livro de Ana Cristina Cesar, ou Ana C. O jornal “Cruzeiro do Sul”- (27-01-18) reproduziu um texto de Maurício Meireles da Folhapress (página B1 – Mais Cruzeiro). O autor analisa o ensaio literário do filósofo e crítico literário Eduardo Jardim: “Tudo em volta está deserto”. Interessei-me e... Continuar Lendo →

Rios e quintais

SANDRA NASCIMENTO - A propósito das várias ideias e questionamentos que o mês de junho trouxe para o ambiente humano no planeta, vamos finalizando esse período – que celebrou o Dia Mundial do Meio Ambiente em 5/6 – com uma pequena mensagem. Trata-se de um poema que nasceu a partir da lembrança de um sonho... Continuar Lendo →

Para brindar os 75 anos de Chico, as canções que lembram seu precioso legado artístico, o ativismo e, claro, a boa mesa

MARCO MERGUIZZO - “Gente é pra brilhar, não pra morrer de fome”. Embora a frase, antológica, seja do genial Caetano Veloso, ela expressa em boa medida a trajetória grandiosa de um outro gigante da MPB e da cultura nacional: a de Chico Buarque de Holanda, uma figura superlativa nos cenários musical, cultural e político brasileiros... Continuar Lendo →

A vida é curta demais para não ler poesia

JOSÉ CARLOS FINEIS – Este blog nasceu com a proposta de abordar assuntos variados, sem um foco muito definido, com um pé em comportamento, outro em comunicação, outro nas artes e outro em sociedade – ou seja, seria um blog multidisciplinar com no mínimo quatro pés ou patas, assim como uma mesa ou um cavalo.... Continuar Lendo →

As novas cores de Rimbaud

LUIZ PIEROTTI - Há, por vezes, jovens geniais que parecem vir à Terra com um único motivo: causar inveja aos demais habitantes locais. Isaac Newton, Wolfgang Amadeus Mozart, Maria Gaetana Agnesi, dentre outras personalidades que – ainda crianças – já mantinham uma produção sólida e preciosíssima, seja no campo da arte, da ciência, da política,... Continuar Lendo →

WordPress.com.

Acima ↑