A Rede Vespa: ferroadas para refletir

LÚCIA HELENA DE CAMARGO (Blog Todas as Telas) - Baseado em acontecimentos reais, Wasp Network, além de ser uma boa história, pode convidar à reflexão. Até que ponto alguns estão dispostos a ir para defender uma ideologia?

Zé Muleque, o leva e traz (conto). Parte 2: Uma cabeça prestes a rolar

JOSÉ CARLOS FINEIS (Conversa de Armazém) - Às vezes me esqueço que agora sou contista, e não mais um escrevinhador de notícias policiais. A cabeça decepada que no noticiário sensacionalista aparece logo no título pode, na narrativa literária, ser cortada aos poucos, ou na última linha, ou, se o texto for uma obra aberta, até mesmo permanecer como uma sugestão ou um mistério, para que o leitor tire livremente suas conclusões do que pode ter ocorrido e a quem.

Fora da Margem, ano 1, ed. 3

FORA DA MARGEM - Uma coleção sempre renovada de memes, vídeos, montagens, prints, piadas, frases e outros conteúdos que andam bombando nas redes sociais e WhatsApp. Publicações aos domingos e quartas-feiras. Atualizações a qualquer momento.

Brasil: sobre os ombros da servidão voluntária

LUIZ PIEROTTI - Por volta de 1549, um jovem francês chamado Étienne de La Boéti escrevia um discurso intitulado “Servidão Voluntária”. Nele, tratava do absolutismo francês e de como os servos desses reis voluntariamente aceitavam o totalitarismo imposto. Apesar dos quase 500 anos que nos separam do pensador francês, muitas de suas ideias ainda podem elucidar comportamentos frequentes da contemporaneidade .

Lembra-se de Homero Homem?

RUBENS NOGUEIRA - Um menino de asas, um cabra das rocas, um nordestino arretado, um jornalista atuante, um escritor popular, um poeta maravilhoso, um ser generoso, um homem de esquerda, um pai afetuoso, um marido apaixonado, um homem brilhante – Homero Homem de Siqueira Cavalcanti. As reportagens semanais que ele assinava cobriam uma página inteira... Continuar Lendo →

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑